ARTICULADORES ESTADUAIS

À partir de revisão do estatuto da entidade, realizada em 2020, foi criada a figura do "Articulador Estadual" para suprir de forma voluntária a necessidade de articulação dos Proprietários de RPPNs em estados que não possuem Associações​ Estaduais/Regionais e para garantir a representatividade dos interesses desses estados junto a Confederação Nacional de RPPNs.

A Confederação Nacional de RPPNs sugere de 1 a 3 articuladores por estado a serem escolhidos/legitimados pelos Proprietários de RPPNs dos seus respectivos estados. As funções e atribuições dos "Articuladores Estaduais" serão estabelecidas por meio da criação de um regulamento próprio a ser desenvolvido pela Diretoria Executiva em parceria com as Associações Estaduais/Regionais e Articuladores Estaduais.

Adriane Formigosa.png
Adriane Formigosa
(AP)

Bióloga, mestranda em Gestão de Áreas Protegidas na Amazônia (INPA). Fundadora e Diretora do Instituto Mapinguari. Atuou entre 2017 e 2019 com gestão pública de áreas verdes urbanas. Foi voluntária de 2013 à 2017 na RPPN Revecom (Amapá), sendo indicada pela reserva para atuar na articulação estadual das RPPNs do estado do Amapá.

Bárbara Cavalcante_RPPN Pedra D'Antas_SA
Bárbara Cavalcante (PE)

Bióloga que atua como Coordenadora do Projeto Mata Atlântica do Nordeste desenvolvido pela SAVE Brasil nos estados de Pernambuco e Alagoas. Um dos núcleos de atuação do projeto é a RPPN Pedra D’Antas, localizada no município de Lagoa dos Gatos (PE). A RPPN, que pertence à SAVE Brasil, está localizada na Serra do Urubu, um remanescente florestal reconhecido globalmente como uma Área Importante para a Conservação das Aves e da Biodiversidade. Bárbara está responsável pela gestão da RPPN Pedra D’Antas desde 2016.

Vinícius.jpeg
Vinícius Neves Zimmermann (SC)

Produtor e Educador Cultural.     Técnico em edificações. Técnico em turismo receptivo e Permacultor. Produtor orgânico certificado vinculado a Rede EcoVida. Ex-conselheiro Municipal de Políticas Públicas para Cultura de Florianópolis. Membro da Associação Campo e Ervas de Plantas Medicinais de São Pedro de Alcântara. Atualmente exerce mandato no Legislativo do município de São Pedro de Alcântara. 

Jorge Velloso (BA)

Em breve informações

Angela.png
Angela Leony
(BA)

Bacharelado em Arquitetura e Urbanismo, Licenciatura em Biologia, Especialização em Administração Pública com Aprofundamento em Gestao Ambiental. Mestrado em Geografia com área de concentração em Meio Ambiente. Esteve gestora de várias Unidades de Conservação do Governo do Estado da Bahia e hoje faz a gestão da sua própria UC, a RPPN Pico do Barbado, localizada na Chapada Diamantina.

Elias 2.png
Elias Sales de Freitas
(CE)

CEO da MOV Brand, que busca integrar a moda jovem de forma sustentável e criar consciência ambiental na nova geração, e membro da Diretoria da RPPN Elias Andrade, em General Sampaio (CE).

Matheus.jpg
Matheus Oliveira de Andrade (BA)

Engenheiro Florestal (UFRB), de Segurança do Trabalho (UFBA) e Higienista Ocupacional (UFBA). Gestor da RPPN Guariru, localizada em Varzedo, Ba. Atual conselheiro do Sub-Comitê da Mata Atlântica do Recôncavo Sul (BA) e do Conselho Municipal de Meio Ambiente da Cidade de Castro Alves, como representante titular indicado pela referida RPPN. Membro suplente do Fórum Municipal de Educação Municipal, representando o CMMA de Castro Alves. Membro da Associação Ambiental Guariru. Atualmente é Perito do Juízo e atuante em projetos de inventários florestais, plantios de florestas nativas e de licenciamento ambiental.

Renata.jpg
Renata Bomfim (ES)

Ambientalista, pesquisadora e poeta, é Doutora em Literatura Comparada pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) com pesquisas no campo da Literatura Iberoamericana. Atuou como docente no Centro de Letras da UFES e possui especialização em Psicologia Analítica Junguiana (IBPP/ES), Arteterapia na Saúde e na Educação (UCAM/RJ) e em Psicossomática (FACIS/SP). Possui formação como Instrutora de Hatha Yoga e Raja Yoga, com ênfase em meditação tradicional indiana. Proprietária e gestora da RPPN Reluz, atualmente preside o Instituto Ambiental Reluz, onde desenvolve projetos de preservação, educação ambiental e pesquisa. Presidiu a Academia Feminina Espírito-santense de Letras e é membro efetivo do Instituto Histórico e Geográfico do ES. É a idealizadora do Clube de Leitura Reluz que reúne pessoas que se interessam por livros e Meio Ambiente. Ganhadora da Medalha de Mérito de Defesa do Meio Ambiente “Roberto Anselmo Kautsky” e da Medalha de Mérito Cultural “Renato Pacheco”. Representa o Brasil em variados Festivais de poesia na América Latina. É autora de artigos e ensaios publicados no Brasil e no exterior e dos livros de poemas Mina (2010), Arcano Dezenove (2012), Colóquio das árvores (2015) e O Coração da Medusa (2021). Autora da Revista literária Letra e Fel, on line desde 2007 (www.letraefel.blogspot.com) e do site do Instituto Ambiental Reluz (www.ambientalreluz.com.br).

Aarão.png
Aarão Lins de Andrade Neto (PE)

Graduado em Engenharia Agronômica pela UFRPE, Pós Graduado em Gestão de Recursos Hídricos pela UFAL, Chefe de Unidade de Conservação do IBAMA-PE, Presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Ipojuca, Presidente do Conselho de Defesa do Meio Ambiente de Gravatá (PE), Secretário de Meio Ambiente de Gravatá (PE) e Proprietário da RPPN do Benedito em Gravatá (PE)

Fernando.jpeg
Fernando José Pimentel Teixeira
(SC)

Proprietário da RPPN Rio das Lontras, em São Pedro de Alcântara, SC. Promoveu em 2005 o “lº Encontro de Proprietários de RPPN de Santa Catarina”. Cofundador da Associação Catarinense de RPPN e integrante das duas primeiras diretorias. Primeiro Conselheiro representante das RPPNs no Conselho Estadual de Meio Ambiente de SC. Idealizador do Dia Nacional da RPPN – Lei nº 13.544 de 19/12/2017. Prêmio Preservação Ambiental ADVB 2010. Prêmio Destaque RPPN no IV Congresso Brasileiro de RPPN 2011. Prêmio Expressão de Ecologia 2011, o maior prêmio ambiental do sul do país. Criação da nova identidade visual da Confederação Nacional de RPPNs. Integrou Diretorias Temáticas da Confederação Nacional das RPPNs.

Raphael Arcanjo.jpeg
Raphael Vasconcelos Balboni (SP)

Ambientalista engajado (APAZ), graduado em Gestão ambiental, professor e consultor especializado em Agricultura Biodinâmica (UNIUBE). Músico, cantor e compositor, lançou dois discos autorais. Tem formação em Antropomúsica e Cantoterapia (em andamento pela Escola do Desvendar). Residiu em várias fazendas: IPA - Insituto de Permacultura da Amazônia (2004), Estância Demétria em Botucatu, SP (2007), responsável pelos Preparados Biodinâmicos, e Dottenfelderhof, importante fazenda Biodinâmica em Frankfurt, Alemanha (2009) em que estudou com o renomado professor Dr. Manfred Klett. Participou em congressos na Suíça, Dornach (2009 e 2020), Venezuela (2006) e em vários estados do Brasil. Fez diversos cursos ligados ao universo da Agroecologia (com Ernest Götsh, Agrofloresta (2008); Bioconstrução no IPEC Goiás, (2010)). Foi docente convidado da formação em Agricultura Biodinâmica na Argentina, docente do primeiro curso biodinâmico no IPERS – Porto Alegre – RS. Palestrou no Chile e na I Semana do Meio Ambiente (São Miguel Arcanjo, SP – 2014) e ministra cursos de Introdução à Agricultura Biodinâmica no Sítio UOAEI, São Miguel Arcanjo/SP (desde 2012). Participou do último Encontro de Pedagogia e Agricultura com professor Peter Günttenhofer (Botucatu, SP – 2016). É responsável pela administração do Sítio UOAEI, proprietário desde 2010, onde vive e desenvolve projetos ligados à Biodinâmica, educação, preservação e arte. Atualmente é presidente da ONG APAZ - Associação do parque do ZiZO, que preserva 400 hectares de Mata Atlântica virgem. Fundou em 2019 o IEAOU - Instituto Ecológico de artistas Orgânicos Ultrassociais.

Fábio_Torresan.png
Fabio Enrique Torresan (SE)

Bacharel em Ecologia (UNESP, Rio Claro, SP) com mestrado e doutorado em Ecologia e Recursos Naturais (UFSCar, São Carlos, SP). Trabalhou no IBAMA com compensação ambiental para unidades de conservação e no licenciamento ambiental de empreendimentos do setor energético (usinas hidrelétricas, usina nuclear, gasodutos e linhas de transmissão). No Ministério do Meio Ambiente, trabalhou junto à Diretoria de Áreas Protegidas, onde participou de projetos de criação, implantação e gestão de Unidades de Conservação. Entre 2007 e 2017 trabalhou como pesquisador na Embrapa Monitoramento por Satélite (Campinas, SP) e atualmente é pesquisador na Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE), atuando nas áreas de ecologia espacial, ecologia da paisagem, biodiversidade, geoprocessamento e sensoriamento remoto. É gestor da RPPN do Caju, em Itaporanga d’Ajuda, SE.

Renato.jpeg
Renato Totti Maia (SC)

Graduado em Engenharia Ambiental pela Universidade Federal de Viçosa. Experiência na área de Geociências, com ênfase em Sistemas de Informação Geográfica e Sensoriamento Remoto.     Atuações em Unidades de Conservação, Perícias, Educação Ambiental, Criação de Banco de Dados e Avaliação de Impactos Ambientais. Servidor Público da Fundação de Meio Ambiente de Santa Catarina.     Chefe da Reserva Biológica da Canela Preta.

Ramiro.jpg
Ramiro Manoel (PB)

Bacharel em Administração de Empresas pela Universidade Federal da Paraíba (1990), especialista em Inovação e Difusão Tecnológica (1996), mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal da Paraíba (1995) e doutor em Recursos Naturais na Universidade Federal de Campina Grande (2012). Atualmente atua como Assessor Especial para Inovação e Empreendedorismo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), cedido como Analista da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Mercadologia, Pesquisa de Mercado, Administração, Inovação, Empreendedorismo, Transferência de Tecnologia, Incubação de Empresas, Desenvolvimento Sustentável e Sistemas de Indicadores de Sustentabilidade, Gestão de Recursos Naturais, atuando principalmente nos seguintes temas: qualidade, engenharia de produção, empreendedorismo, inovação, meio ambiente, administração, desenvolvimento sustentável e sistemas de indicadores de sustentabilidade e gestão de recursos naturais. Membro fundador e dirigente da Organização Campinense dos Amigos da Natureza – OCAN (1982/85), membro fundador e dirigente do Movimento Ecológico Livre – MEL (1985/1988), presidente do Centro Acadêmico de Administração da Universidade Federal da Paraíba – UFPB – Campus II (1985/1986), membro fundador e dirigente estadual e municipal do Partido Verde no Estado da Paraíba (1985/1995), membro fundador e dirigente do Movimento pelas Águas do Semi-Árido – MÁGUAS (1989/1990), representante do Partido Verde (PV) na ECO´92 (Rio de Janeiro-1992), participante da RIO +20, representante discente do mestrado em Engenharia de Produção – UFPB – Campus I (1993/1994), membro e dirigente do Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário – SINPAF (1994/2005), professor e palestrante.